segunda-feira, 9 de maio de 2011

O Lobo e a Cabra do Mato - História Tradicional


Eis mais um livrinho que eu tenho que referir. Trata-se de um livro de contos tradicionais de todo o mundo onde se fala a língua portuguesa. A autora é M. Margarida Pereira-Muller, as ilustrações são de João Caetano e a Editora é a Civilização. Para ficarem com água na boca vou transcrever um dos contos: O Lobo e a Cabra do Mato que é um conto guineense.


Um dia, uma cabra do mato contou a um leão seu amigo que um lobo lhe andava a fazer a corte e que a queria ir visitar.
- Que achas desta proposta? - perguntou a cabra ao leão.

- Meu Deus como és ingénua! Então não vês que ele o que quer é comer-te? Deixa o caso comigo. Eu vou ensiná-lo a n
ão ser atrevido!
Nessa noite, o leão escondeu-se na toca da cabra. A certa altura, ouviu:
- Cabrinha querida, estás aí?
- Claro que estou. O que é que queres? - respondeu o leão imitando a voz da cabra.
- Quero fazer-te companhia, como te tinha prometido.

Enquanto ia respondendo, o lobo ia-se aproximando da toca para apanhar de surpresa a sua vítima. Mas do outro lado, saltou-lhe o leão que lhe bateu tanto que o lobo teve de fugir o mais depressa que pôde.

No dia seguinte, a cabra encontrou o lobo e, ao vê-lo tão ferido, perguntou-lhe o que tinha sucedido.
- Como se não soubesses?! Eu só queria brincar um bocadinho contigo e olha o estado em que me deixaste!
Desde esse dia, o lobo deixou de procurar a cabra de noite, porque tinha medo de ser atacado de novo. Até hoje, o lobo c
ontinua sem saber como é que um animal tão frágil como a cabra fica com tanta força durante a noite.

Uma das ilustrações para a história tradicional O Velho, o Rapaz e o Burro, também incluída na obra.


Um grande xi-coração

Sem comentários:

Enviar um comentário